terça-feira, 21 de outubro de 2014

Pesca - A captura de luciopercas

Fui "proibido" pelos "caçadores" de luciopercas cá do burgo de falar na captura de lucioprcas durante alguns tempos, mas agora que a época já vai a meio, foi-me dada carta verde para a divulgação de imagens.
Vou então dar conta de algumas pescarias mais recentes:

Nuno Mendes
Começo esta apresentação pelo Nuno Mendes porque este pescador está a ser uma agradável surpresa! Dedicou-se a esta espécie este ano e tem sido um dos mais "sortudos", é raro o dia em que não consegue bons resultados, tanto em tamanho como é número. 

O lucioperca acima é a sua mais recente captura. Foi ontem  na Barragem do Lucifecit, a pescar à bolonhesa com bóia corrida e uma ablete morta no anzol.

Duarte Fontes
Agora o Duarte Fontes, outra agradável surpresa. Este é um rookie, custou caro a tomar-lhe o gosto, mas agora não para! Este só tira as fotografias no Alandroal para ninguém saber onde ele captura as suas presas, mas sei de fonte segura, que as suas melhores pescarias são feitas no Alqueva, junto ao Parque de Campismo do Rosário.  Este nem foi o seu maior exemplar, mas a foto com o seu maior exemplar foi-me sabotada! Fica este mais pequeno só para terem um cheirinho do que este pescador é capaz.

Fábio Galhardas
Aqui um caso curioso e pouco usual. O Fábio foi tentar os luciopercas com amostras de vinil (Flukes da Zoom), mas apanhou um lucio. O lucio é um predador muito mais antigo nas nossas águas que o lucioperca, mas felizmente não se deu tão bem neste habitat como o seu primogénito. Digo felizmente porque esta espécie é ainda mais voraz que o lucioperca e nas massas de água onde se tem dado bem, tem dizimado as demais espécies.

Já agora isto também serve para alertar os mais desatentos, que a maioria das amostras utilizadas para uma espécie de predador, serve igualmente para capturar outra e qualquer espécie, tal como achigã, lucio, lucioperca...

Agora vamos aos "profissionais", aqueles a quem eu dei algumas dicas e agora "mordem" no dono!

Inácio Varandas
Inácio Varandas, o "Raposinho do Alqueva" ontem atacou no Lucifecit e já ao anoitecer conseguiu os dois exemplares que podem ver acima. O isco foi abletes e a pescar à bolonhesa com bóia de correr.

João Rosado.
O João Rosado foi  colega de pescaria do Inácio ontem, não é ainda um "exper", mas ter um "mestre" como o Inácio ajuda muito, como se pode ver pelo exemplar conseguido ontem. O exemplar acima não foi o único, mas foi o maior.


João Nabais
O João Nabais apanhou um engano, toda a gente lhe dizia que os luciopercas estavam a dar e ele não é rapaz de se descuidar, fez-se logo ao lucifecit para tentar apanhar os ditos, mas não é que lhe calharam dois belos achigãs! Diga-se de passagem que ele não ficou nada aborrecido com o engano. Capturados com lagostins da Zoom.

José Pedro

O José Pedro é um "furão" na pesca do achigã, mas quis também ele apanhar a "onda" do lucioperca e não tardou a mostrar serviço. Esta foto fui eu quem a tirou, nas traseiras da carrinha dele, lá dentro tinha mais 11 exemplares mais pequenos, isto só em 3 horas de pesca!

Para ultimo, minhas senhoras e meus senhores, leitores e leitoras, pescadoras e pescadores, guardei o "cinturão negro" da captura de lucipercas- Apresento-lhes o António Gonçalves:

António Gonçalves

António Gonçalves "Correia"

Não me vou alongar muito na descrição das pescarias do Correia, pois ele não mo autoriza. Mas é como toda a gente sabe, sempre grandes pescarias. Mas também apanha os seu enganos, pois como podem ver na 2º foto, tem ali 7 bons exemplares de achigãs, mas não era achigãs que ele queria, queria sim apanhar luciopercas. Diga-se de passagem que também não se importou com o engano, tal como o João Nabais.

António Gonçalves e José Pedro
Por ultimo a cereja em cima do bolo! Junta-se o Correia e o Zé Pedro e vejam o que acontece, uma pescaria e pêras...

Não sei se repararam num pormenor, mas hoje pela primeira vez não coloquei o peso dos exemplares capturados. Porquê? Porque não tive ocasião de pesar nenhum e eu não me fio das "balanças de boca" destes pescadores. Eles podem ser muito bons pescadores, mas a língua deles ainda nunca foi aferida!

Boas pescarias, Lobo do Alqueva.

Um comentário:

Anônimo disse...

Tens que dizer ao Nuno Mendes para fechar a berguilha para as fotos.

Loading...