sábado, 28 de fevereiro de 2009

DIVULGAÇÃO - LUDOTECA

Clique em cima da imagem para ampliar
Ao fundo outras actividades em duvulgação

AS TERTÚLIAS DE SEXTAS À NOITE

Todas as sextas-feiras à noite (Excepções incluídas), Eu e um grupo de amigos reunimos num determinado local para debater os mais variados temas da sociedade de uma forma leviana. Com a autorização dos Tertulianos, vou passar a informar os leitores das “alarvidades” conseguidas nessas noites.

Ontem estiveram presentes, Aphia, Bichano, Reileão, Águia e Eu. Faltou o Ku-adrado, que já tinha informado da sua impossibilidade em estar presente, pois houve uma ruptura na Ald. da Venda e ele como "chefe", decidiu ficar a fazer horas para não deixar os "Sacaios" sem água.

Ordem de Trabalhos:

1. Iscas de Fígado, com salada de alface e tomate.( Este ponto é variável semanalmente )
Quanto ao prato da noite importa referir que a única substância nutriente que o meu paladar rejeita é fígado, seja ele em Iscas, Rechina ( cachola ), Pipis...

Mas, Iscas era do agrado da maioria dos presentes e esta Tertúlia rege-se por princípios democráticos, então foi esse o prato principal. Com a ressalva de haver uma 2ª opção para os “dissidentes”!

Como não posso opinar nesta matéria, deixei fluir e escutar os comentários ao prato dos restantes Tertulianos. Pelo que pude ouvir, a Antónia do Pua é há muito uma cozinheira credenciada.

( Deixem-me abrir aqui um parêntesis, para dizer algo que não foi falado na tertúlia, mas que é pertinente: Quando nos perguntamos quais as actividades económicas, com potencialidade de serem aproveitadas para o desenvolvimento do Alandroal? Nunca se esqueçam de meter num primeiro plano a Gastronomia, que é de grande qualidade e variedade em todo o Concelho.

2. Discussões infundadas, sobre matérias que não percebemos. ( Este ponto é invariável).

Ainda na ressaca do Carnaval, a Tertúlia estava muito “murcha” e assim os temas foram poucos e pouco esgrimidos.

Como facto relevante, suada-se a inauguração da 1ª fase da nova escola no Alandroal. Onde já é possível aos alunos terem aulas nas novas instalações e isto 2º o Aphia, graças ao esforço suplementar e fora de horas de muitos funcionários e até de elementos do Conselho Directivo.

Como facto menos positivo desta obra, salienta-se a entrada/saída principal da escola. Acusação do Bichano, pai de dois alunos daquele estabelecimento de ensino. Justifica ele dizendo que é muito perigosa a saída situada numa curva, onde há circulação de viaturas nos dois sentidos e muitas vezes com carros estacionados numa das faixas de rodagem.

No nosso entender, há aqui matéria para intervenção do Conselho Municipal de Segurança, ou pelo menos a intervenção do Município, para tomar providências e assim evitar ou minorar males que ali possam vir a ocorrer. Acima de tudo quer-se acautelar a integridade física de pessoas, mais a mais, quando estão em causa crianças, que pela sua tenra idade e irreverência não sabem por si só acautelar a sua própria segurança.

Outro tema que Eu puxei para a mesa, foi a atribulada Assembleia Municipal da noite anterior.

Assembleia essa que decorreu pela 2ª vez na Freguesia de Capelins, numa política de descentralização levada a cabo pela Mesa da Assembleia. Saliento mais uma vez a boa recepção dada pelos locais aos Deputados Municipais. Estas Assembleias, nas freguesias são sempre mais concorridas que as realizadas na sede de Concelho.

Mas vamos à essência. Aquilo que à partida poderia parecer um assembleia rápida e sem grande historia por só conter quatro pontos e à partida sem grande interesse, transformou-se numa longa e acalorada discussão.

Primeiro pela entrevista que o Presidente deu ao Diário do Sul, onde e segundo a CDU e PSD o Presidente da Câmara não clarificou bem a sua posição em relação à Refinaria de Balboa e foram colocadas várias interrogações. A indignação veio da bancada do PS, protestando com veemência, pois considerava-se que o assunto era inoportuno por o Presidente não estar presente e assim não poder responder a todas aquelas interrogações, sobre opiniões pessoais suas.

Mas Torcato, Deputado pela CDU voltava à carga, com um exemplar rasgado com a entrevista dada ao referido jornal, leu-a quase na sua totalidade e retirou este excerto. « E o Presidente disse: a refinaria não me preocupa minimamente».

Ele queria que o Presidente se retracta-se e assim dar a conhecer a sua posição em relação à refinaria.

Isto tudo apesar de lhe explicarem novamente, que era impossível ter qualquer feedbak, por o interpolado não estar presente. Mas ele há cada fixação!

O ponto seguinte foi bem pior, ou melhor conforme se queira ver.

Eleição dos três representantes da Ass. Municipal de Alandroal, para a Assembleia Intermunicipal da CIMAC.

Aqui a CDU pregou uma “rasteira” ao PSD. João Ribeiro político experiente propôs uma aliança CDU/PSD, para retirarem um representante ao PS na referida lista. A argumentação deve ter sido tão forte e apelativa que PSDs, caíram que nem patinhos, na esparrela da CDU. Quando estes sabiam de antemão, que aquela jogada política era impraticável.

A coisa era assim:

A CDU valendo-se das faltas dos deputados do PS e da pouca preparação feita para este ponto do mesmo PS, propôs uma aliança ao PSD, para derrotarem o PS e assim dividir os três deputados salomonicamente pelas três bancadas. Até aqui tudo bem juridicamente, ainda que politicamente pouco ética a aliança entre Comunistas e Centro/Direita.

Mas o mais grave é que este “totem” (CDU/PSD), propunha-se a não deixar votar os Presidentes de Junta, ao abrigo de uma nova leituras dos regulamentos, por causa de uma virgula. Pois só na impossibilidade destes votarem é conseguiriam obter a maioria.

E se o regulamento não fosse interpretado daquela maneira a «... bancada da CDU, abandonava a sala», deixando assim a Assembleia de ter quorum o que deixava a mesma Assembleia ferida de morte.

O PS um pouco hesitante, não concordou com aquela leitura e propôs a apresentação de listas e com votação de todos os membros efectivos presentes na Assembleia.

A essa eleição foram apresentadas duas listas. Lista A formada pelo PS e Lista B, formada pela CDU/PSD, com o elemento do PSD a aparecer em lugar não elegível, claro!

Acabou por prevalecer o bom senso e assim foram sufragados dois Deputados do PS e um da CDU, o que faz todo o sentido face à correlação de forças daquela Assembleia.

Como já antes tinha referido, os Tertulianos estiveram desinspirados, pelo que com muita pena minha, não houve qualquer alarvidade a registar.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

AGENDA DE FIM DE SEMANA


ACTIVIDADES

CINEMA NO FÓRUM

- Paris 36 . Sexta-feira ás 21,30h. M/12.

MUSICA

- Ciclo de Fado, Teresa Tapadas. Sábado ás 21,30h. no Auditório do Fórum de Alandroal

DESPORTO

- Jogos Zona dos Mármores. Concurso de Pesca. Domingo às 7,00h.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

PORTA 65, RESULTADOS DAS CANDIDATURAS



A lista com os resultados das candidaturas ao ‘Porta 65 - Jovem’, submetidas em Dezembro de 2008, já se encontra disponível para consulta.

Os candidatos a quem foram atribuídas subvenções irão receber o correspondente entre os dias 1 e 8 de Março de 2009.

Os candidatos poderão consultar directamente a sua candidatura, ou consultar a lista dos resultados, que se encontra disponível no Portal do ‘Porta 65-Jovem’.

POSTAGEM DESPORTIVA


OS ACONTECIMENTOS DESPORTIVOS DO FIM DE SEMANA

- FUTEBOL

COMPETIÇÕES DA A. F. ÉVORA

DIVISÃO DE HONRA

Redondense - U. Montemor
Oriolenses - Sp. Viana
Borbense - Bencatelense
Portel -Arcoense
O Calipolense -Alandroalense ( Sábado ás 15h.)
Estrela FC V. Novas - Monte Trigo
Escouralense - Arraiolense

Classificação: V. Novas 47, 2ºU.Montemor 46, 3ºM.Trigo n32, 4ºEscoural 31, 5ºAlandroal 26, 6ºOriola 23, 7ºBencatel 19, 8ºArcoense 19, 9ºPortel 18, 10ºBorbense 17, 11ºCalipolense 14, 12ºViana 14, 13ºRedondense 13, 14ºArraiolense 8

1ªDISTRITAL

SERIE A Sábado ás 15h.
Santana do Campo - Bº Stº Antonio
Valenças - Desp. Cabrela
Giesteira - Alcaçovense
GDR Canaviais - Luso Morense
Faz. do Cortiço - Outeiro

Classificação: 1ºGiesteira 39, 2ºValenças 30, 3ºMorense 28, 4ºCanaviais 28, 5ºS.António 25, 6ºSantana 25, 7ºAlcaçovense 19, 8ºCortiço 16, 9ºCabrela 13, 10ºBrotense 11, 11ºOuteiro 2

SERIE B 01/03
São Manços - São Romão
Vera Cruz - Corval
Estremoz - Perolivense
Amieira - Rio Moinhos
Rosário - Santiago Maior
Azarujense - Aldeense

Classificação: 1ºPerolivas 39, 2ºS. Maior 36, 3ºCorval 33, 4ºEstremoz 30, 5ºS.Romão 28, 6ºR.Moinhos 26, 7ºS.Manços 20, 8ºAldeense 22, 9ºV.Cruz 18, 10ºRosário 17, 11ºAzaruja 14, 12ºAmieira 3

DISTRITAL DE INICIADOS

Estrela-Calipolense
Lusitano-Terena
SL Évora-Canaviais
Portel-Borbense

POSTAGEM DESPORTIVA É PATROCINADA PELA AL-SPORT

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

1º ENCONTRO NACIONAL DE KAYAK FISHING

Clique em cima da imagem, para ampliar.
Ao fundo outras actividades em divulgação.

LIGA FANTÁSTICA AL-SPORT - 19ª JORNADA

A XIV Liga Fantástica Al-sport assistiu neste fim de semana à sua 16ª jornada e 19ª da Superliga. Hoje o Alandroalandia publica a lista das classificações:

O derbi de sábado à noite fez mossa em muitas equipas, safaram-se os “lagartos” e aqueles mais “sensatos”.

Se não vejamos:

Em 1º o Carlão com 52pts. Sportinguista convicto, tirou partido da vitória no tal derbi e principalmente no acerto do “Levezinho”, que lhe deu 17pts e assim fez toda a diferença.

2º O Ricardo com 52pts. Mais um a tirar partido dos 17pts do Liedson e de andar rodeado de sportinguistas, mulher, sogro...

3º Rosinha com 44pts. Outro sportinguista, mas só com jogador das fileiras de Alvalade, aqui não imperou a lógica do derbi, mas a sensatez. Em terra de conflito, afasta-te o mais possível dela.

No acumulado voltou a haver novo líder, com tantas mudança, tanto na parte alta, como na parte baixa da tabela, esta é provavelmente a Liga mais disputada da Europa!

Assim a vitória no semanal trouxe ao Carlão o lugar cimeiro da Liga, com 595pts.
2º P.T. com 587pts. Que cedeu assim a liderança.
3º Rosinha com 584pts. Voltando a entrar no pódio, mostrando assim uma regularidade invejável.

No fim da tabela também houve muitas alterações,é só verificarem.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

CARNAVAL 2009

O Carnaval no Alandroal não é conhecido nem lembrado pelos seus desfiles, mas sim pelos seus bailes de Carnaval, mais concretamente os "Carnaval dos Bombeiros", que já tem uma grande tradição.

Mais recentemente também alguns bares começaram a ter as suas festas de Carnaval, estas abrilhantadas por Dj's ou Artistas convidados.

Tanto num lado como noutro, baile ou bares, é maioritariamente para "consumo interno", isto é, família e amigos. Tudo gente conhecida que se disfarça por parecer "desconhecida"!

Hoje deixo-lhes aqui alguma fotos recolhidas num desses bares, com tempo espero aqui colocar doutros lugares.

A pensativa Boneca de Trapos?

Major Alvega na sua infância!

Índias "maravilhadas" com o Maravilhoso Mundo Novo

Não sei qual o futuro reino desta Princesa, mas o nariz é o da Cleópatra

A família Pavaroti

Alegria, cor e exuberância VS Religião e meditação.

Será que rebentou os balões todos "a tiro"?

O juramento solene da protecção aos mais desprotegidos. Hááá Zorro!!

Breve luta entre a malvadez da pirataria e o saber ancestral do oriente.

A satisfação do pastor, o "berrar" da ovelha e olhar desconfiado das piratas!

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

JOVENS DO CCD TERENA NA TAÇA AC. SPORTING


O Centro de Cultura e Desporto de Terena participou este fim de semana na Taça Academia Sporting 2009.

A Taça Academia Sporting é um evento desportivo nunca antes realizado no nosso País, promovido pelo Sporting Clube de Portugal, que visitará 10 distritos de Portugal Continental e as 2 Regiões Autónomas, em 13 dias de actividade.

No Sábado passado a Taça Academia Sporting visitou Évora, no campo do Lusitano de Évora.

Este torneio, realizado em campos relvados, tem por objectivo principal a criação de uma janela de observação de jovens talentos (dos 6 aos 10 anos), proporcionando um dia de muita animação e saudável convívio entre todos, no qual a linguagem mais falada é a do desporto!

Acompanhando a Taça Academia Sporting, por todo o País, estará aberto a toda a população, o Parque Vida Activa. O Parque Vida Activa é um espaço lúdico e temático, de promoção da vida activa, repleto de actividades divertidas para toda a família.

O Terena apresentou-se em Évora com duas equipas, uma no escalão B ( 9/10 anos) e outra no escalão A ( 7/8 anos ).
Em cima a equipa que disputou o Escalão A. Rodrigo Mira, Tomás Pacifico, David Veva, Vitor Frade e João P. Reis

Aqui o Escalão B. João Popa, Pedro Melo, Tiago Colaço. Em baixo: Afonso Mira, João carreiro, Luís Pereira.


A pausa, esperando o veredicto do Mister Paulo Bento, para saber se ingressam na Academia de Alcochete.

No Domingo, numa iniciativa semelhante a que se chamou a Taça Coca-Cola e no mesmo recinto, o CCD de Terena esteve mais uma vez presente, agora com uma equipa de Iniciados.


A equipa: David Tavares, Adrien, Adriano, Filipe Ramos, Gonçalo, Duarte Fialho, João Pedro e João Rebola.
Em baixo: Ivo Faustino, Luís Ramos, Francisco, Mário, Rui Matuto, Paulo Matos e Pedro Ramalho.

domingo, 22 de fevereiro de 2009

POSTAGEM DESPORTIVA - RESULTADOS


OS ACONTECIMENTOS DESPORTIVOS DO FIM DE SEMANA

- FUTEBOL

COMPETIÇÕES DA A. F. ÉVORA

TAÇA DE ÉVORA

Jogo 1:Estrela VN 1 - JS Alandroalense 0
Jogo 2:Monte Trigo 4- Bencatelense 0
Jogo 3:Escouralense 1- GD.Oriolenses 0
Jogo 4:Valenças 0- Sp.Viana 3

O JS Alandroalense perdeu pela margem mínima em V. Novas e assim perdeu a passagem ás meias finais da Taça, que serão disputadas entre:
-ESCOURALENSE - VENDAS NOVAS
-SP. VIANA - MONTE DE TRIGO


1ªDISTRITAL-SERIE A
Acerto de calendário

Cabrela 0- Luso Morense 5

Classificação: 1ºGiesteira 39, 2ºValenças 30, 3ºCanaviais 28, 4ºMorense 28, 5ºS.António 25, 6ºSantana 25, 7ºAlcaçovense 19, 8ºCortiço 16, 9ºCabrela 13, 10ºBrotense 11, 11ºOuteiro 2

sábado, 21 de fevereiro de 2009

AS TERTÚLIAS DE SEXTA À NOITE

Todas as sextas-feiras à noite (Excepções incluídas), Eu e um grupo de amigos reunimos num determinado local para debater os mais variados temas da sociedade de uma forma leviana. Com a autorização dos Tertulianos, vou passar a informar os leitores das “alarvidades” conseguidas nessas noites.

Ontem estiveram presentes, Aphia, Bichano, Reileão, Águia e Eu. Faltou o Ku-adrado, que já tinha informado da sua impossibilidade em estar presente.

Esteve ainda como observador o Kés-kés, faltou o Quejinho depois de ter confirmado a presença, o que é grave. Mostra falta de responsabilidade.

Ao fecho da tertúlia, estiveram ainda a assistir e sem direito de voto, Verguinha e Tá-ta-rá-tá

Ordem de Trabalhos:

1. Bacalhau Verde, acompanhados por uma salada de alface com tomate.( Este ponto é variável semanalmente )

O Bacalhau estava divinal, pena ter sobrado tanto, fruto da falta já mencionada e do Kés-kés se recusar a comer bacalhau verde em vésperas de um Sporting-Benfica e sobretudo porque tinha comido o referido pitéu muito recentemente. Ai meu amigo, com superstição ou superstição ganhas as mesmas, porque os “verdes” vão comer os “vermelhos”.


2. Discussões infundadas, sobre matérias que não percebemos. ( Este ponto é invariável).

Então e o que dizem da carta aberta à população do Vice-Presidente? Foi assim que fomos interpolados pelo Aphia, ainda as azeitonas não estavam na mesa!

Borrifou-se para a Ordem de trabalhos, tal era a curiosidade em saber a opinião dos demais sobre tal assunto.

Discutiu-se e esmiuçou-se a dita carta, para se chegar a algumas conclusões e a mais interrogações ainda.

Principal conclusão e unânime. Ver. João Grilo, pessoa educada e integra, escreveu o que sentia no momento que achou apropriado, sem ofender ninguém e explicando os motivos porque decidiu não dar continuação a um projecto com o qual já não se identificava.

Algumas perguntas que ficaram no ar e que os tertulianos não conseguiram dar resposta:

Será que o fez porque já sabia que não ia ser convidado para integrar a próxima lista? Será que não ia mesmo ser convidado? Será que o fez por ter outras ambições políticas?

A seu tempo saberemos dar resposta a algumas destas questões.

Depois houve temas, tão diversos, tanta “alarvidade” que nem dá para contar tudo.

Desta vez vou postar duas, que não foram unânimes na sua avaliação, por os autores não as considerem alarvidades. Mas o certo é que foram ditas, cabe aos leitores decidir.

Reileão: «No Restaurante da Tia Chica, fiz uma actuação onde fui elogiado pelo Janita Salomé. Se não acreditam tenho ai testemunhas oculares e “ovidares”, perguntem a flano ( Já morreu ) e a flano ( Já morreu ) ou a flano ( Já morreu ). ». Digo Eu, belas testemunhas estas!!

Eu: « Num dia limpo e resplandecente, como dizia o meu Prof. de Latim ( Pde. Mário), do alto da Serra da estrela consegue-se ver o Alandroal, inclusive toda a planície Alentejana até Beja.» Isto na altura em que eu tinha boa vista, claro.

Por ultimo, tivemos uma lição de caligrafia da escola primária dada pelo Kés-kés. Só não consegue fazer um H grande, no resto roça a perfeição. Foram o Águia, o Reileão, o Bichano e até Eu, de telemóvel em punho tirar uma foto para ficar para a posteridade.

Eis a obra:

DESFILE DE CARNAVAL ESCOLAR

Ontem sexta feira, num esforço conjunto de crianças, pais, professores, escolas e Municipio, realizou-se mais um desfile de Carnaval com as crianças das escolas do ensino básico e pré-primário de todo o Concelho.

O desfile teve o seu epicentro na Praça da Republica em Alandroal.

O Alandroalandia registou em vídeo, para a posteridade o evento. É só clicarem na "setinha", para verem este trabalho amador. Estou ficar com muitos "tremeliques", não sei se é do PDI se da qualidade da máquina!



As crianças da Cresce também estiveram presentes

O D'artagnan é que perdeu o cavalo, mas desenrascou-se e montou-se numa sela com várias cavalos.


O Alandroalandia vai continuara a acompanhar os "Carnavais" cá do burgo. É só ficarem atentos e tenham um Carnaval divertido.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

AGENDA CARNAVALESCA



ACTIVIDADES

FESTAS DE CARNAVAL

- AldraBar, Carnaval Fora de Rota. Dias 20, 21, 22, 23 à noite e dia 24 " Matiné", a partir das 16h. ( Ver programa proprio )

- B. V. Alandroal, Bailes com o Conjunto "5 do Ritmo". Sábado e 2ª feira à noite. Terça à tarde "Matiné". ( Ver programa proprio )

- Fórum Café Concerto, Sons de Carnaval, com Banda Parakuka. Sábado à noite.

- Interdito Bar, DJ Tó, Dj One Eye, DJ Pandora e Leão. Animação nas noites de 20, 21, 22 e 23. ( Ver programa proprio )

CINEMA NO FÓRUM

- AUSTRALIA . Sexta-feira ás 21,30h. M/12.

EXPOSIÇÕES

- Exposição de Desenho de António Almas. 13 a 28 Fev. no Fórum Cultural Transfronteiriço.

A JANELA DO HUMOR

Esta janela é um espaço no Alandroalandia que pretende trazer aqui pequenos clips que me chegam via mail, com cenas bizarras que pretendem deixar os leitores do blogue de bom humor.


( Clique na seta para ver o vídeo )

Na semana do "derbi" do lisboeta e logo em pleno Carnaval, não podia deixar de enviar aqui uns "bitaites" aos meus amigos lampiões. Agora já é uma certeza, tal como o III Reich, também o Benfica vai claudicar.

PROGRAMAÇÃO CARNAVALESCA

Clique em cima da imagem para ampliar.
Ao fundo, outras actividades em divulgação.

POSTAGEM DESPORTIVA


OS ACONTECIMENTOS DESPORTIVOS DO FIM DE SEMANA

- FUTEBOL

COMPETIÇÕES DA A. F. ÉVORA

TAÇA DE ÉVORA

Jogo 1:Estrela VN - JS Alandroalense 21/02/2009 - 15:00
Jogo 2:Monte Trigo - Bencatelense 22/02/2009 - 14:30
Jogo 3:Escouralense - GD.Oriolenses 22/02/2009 - 14:30
Jogo 4:Valenças - Sp.Viana 22/02/2009 - 15:00

Em virtude de se disputarem os jogos da taça e ser Carnaval, param todos os campeonatos.

POSTAGEM DESPORTIVA É PATROCINADA PELA AL-SPORT

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

PROGRAMAÇÃO CARNAVALESCA

Clique em cima da imagem para ampliar.
Ao fundo, outras actividades em divulgação.

LIGA FANTÁSTICA AL-SPORT - 18ª JORNADA

A XIV Liga Fantástica Al-sport assistiu neste fim de semana à sua 15ª jornada e 18ª da Superliga. Hoje o Alandroalandia publica a lista das classificações:

Esta semana foi um pódio inteiramente “lampião”, mas também é Carnaval não podemos levar a mal. Isto são vencedores “mascarados”, mas ainda assim tenho que os anunciar, para não correr o risco de me aplicarem um Processo Disciplinar.

1º P.T. com 44pts. Este em 1º? Só pode ser brincadeira de Carnaval mesmo!

2º Hugo com 41pts. Pela 2º vez consecutiva no pódio, está aprender depressa demais. Tenho de telefonar ao Pinto da Costa, para lhe perguntar como se “acaba” com um treinador.

3º Miguel com 39pts. Está encetar uma recuperação muito compassadamente desde que pode ir ao “Mercado de Inverno”.

Quanto ao acumulado, algo vai mal no Reino da Liga, então não é que atiraram comigo de 1º para 5ª!!!

Assim esta semana, temos o seguinte trio na frente:

1º P. Tátá. 547pts
2º M. Carlos 543pts
3º Jeremias 542pts.

Com o Benfica-Sporting do fim de semana que vem, isto vai dar uma grande reviravolta, depois me dirão.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

PROGRAMAÇÃO CARNAVALESCA

Clique em cima da imagem para ampliar.
Ao fundo, outras actividades em divulgação.

domingo, 15 de fevereiro de 2009

POLITICA LOCAL - CARTA ABERTA

Foi-me solicitado publicar uma carta aberta a todos os Alandroalenses, vinda e elaborada do Vereador João Grilo. Como considero que é um assunto de interesse local, vou publicar a carta da forma como ela me chegou.

Clique em cima da imagem para ampliar.

POSTAGEM DESPORTIVA - RESULTADOS


OS ACONTECIMENTOS DESPORTIVOS DO FIM DE SEMANA

- FUTEBOL

COMPETIÇÕES DA A. F. ÉVORA

DIVISÃO DE HONRA ( Domingo ás 15h. )

Arraiolense 0- U. Montemor 2
Monte Trigo 1- O Calipolense 0
Sp. Viana 1- Redondense 0
Bencatelense 1- Oriolenses 3
Arcoense 1- Borbense 1
Alandroalense 1- Portel 1
Escouralense 0- Estrela FC V. Novas 1

Classificação: 1ºEstrela 47, 2ºU.Montemor 46, 3ºM.Trigo 32, 4ºEscoural 31, 5ºAlandroal 26, 6ºOriola 23, 7ºBencatel 19, 8ºBorbense 18, 9ºPortel 18, 10ºArcoense 17, 11ºCalipolense 14, 12ºViana 14 (-1j), 13ºRedondense 13, 14ºArraiolense 8(-1j)

1ªDISTRITAL

SERIE A
Outeiro 1- Santana do Campo 6
Bairro Santo Antonio 2- Valenças 2
Desp. Cabrela 2- Giesteira 2
Alcaçovense 3- GDR Canaviais 4
Brotense 1- Fazendas do Cortiço 2

Classificação: 1ºGiesteira 39, 2ºValenças 30, 3ºCanaviais 28, 4ºMorense 25, 5ºS.António 25, 6ºSantana 25, 7ºAlcaçovense 19, 8ºCortiço 16, 9ºCabrela 13, 10ºBrotense 11, 11ºOuteiro 2

SERIE B
Aldeense 4- São Romão 1
Corval 4- São Manços 0
Perolivense 5- Vera Cruz 0
Rio Moinhos 0- Estremoz 0
Santiago Maior 8- Amieira 0
Azarujense 1- Rosário 0

Classificação:1ºPerolivas 39, 2ºS.Maior 36, 3ºCorval 33, 4ºEstremoz 30, 5ºS.Romão 28, 6ºR.Moinhos 26, 7ºS.Manços 20, 8ºAldeense 22, 9ºV.Cruz 18, 10ºRosário 17, 11ºAzaruja 14, 12ºAmieira 3

FUTEBOL VETERANOS - A SAGA CONTINUA, PARTE 3

Mais um derby do Concelho do Alandroal entre os Veteranos do JS Alandroalense e o Terena/Hortinhas.

Jogo bem disputado, bem arbitrado, sem casos polémicos, renhido e com o resultado discutido até ao ultimo minuto. Acabando o JSA por vencer pela margem mínima.

Terena/Hortinhas 3 – Vet. JS Alandroalense 4

O jogo começou, como é já habitual, atrasado, mas os do Alandroal não se atrasaram muito a marcar golo. 0-1 logo aos 10’ num cabeceamento do P.T, depois da marcação de um “corner”.

Pouco depois o empate do Terena, num auto-golo absurdo do Loca. Cruzamento do lado direito do ataque, nenhum jogador do Terena dentro da área e atrapalhação monumental entre 4 jogadores do Alandroal, desfeitearam o “keeper” Rui Rodrigues.

Mas o empate durou pouco e o Loca para se redimir da falha anterior, marcou o 2º para os do Alandroal numa jogada de belo efeito, onde a bola circulou por vários jogadores.

Logo de seguida num contra ataque rápido o “velho Speed Rabbit” ( Faneca), isolou-se na frente do desamparado Pedro e teve tempo para na recarga aumentar o “score” para os do Alandroal em 3-1.

Já à beira do intervalo, dois pequenos pormenores que podiam ter mudado a história do jogo. Penalty a favor do Terena, numa dupla mão do Teixeira dentro da área, ( Não sei para que quer os pés e a cabeça ), mas o Valadas na marcação enviou a bola para o “chaparral”. O outro pormenor foi um livre indirecto dentro da área do Terena, cometido pelo G. Redes Pedro ao apanhar a bola num atraso de um colega. Dai resultou o 4º golo do Alandroal. Livre marcado pelo Parreira, defendido para a barra pelo G. Redes e Loca na recarga a fazer o 3º da tarde da sua conta pessoal. 2 aos adversário e 1 à sua equipa.

A 2ª parte começou como a 1ª, logo com um golo, mas desta vez o 2º para o Terena, que entrou e “rompante” no jogo. Mas foi ai que se descobriu que o JSA entrou a jogar para a 2ª parte só com 10 elementos e pasme-se com cinco estrelas no banco à espreita de uma oportunidade para tocar na “chicha”.

Lá entrou mais um, para ficar 11 contra 11, mas ai já o Terena tinha pegado definitivamente no jogo, sobretudo devido ao colapso total do meio campo Alandroalense. Por isso não foi com muita surpresa que o Terena obteve o seu 3º golo, na melhor jogada do desafio.

Apesar disso, jogando pior, acabaram por pertencer as jogadas mais perigosas aos do Alandroal, pelo que se ajusta muito bem o resultado 3-4.

Na terceira parte, o Terena/Hortinhas mais uma vez deu “baile”. Grandes organismos!

Têm lá o “jovem” Mira, aquilo cooome, beeebe...beeebe... e fala que se desunha e depois está ali flanqueado por um par de seguidores que qualquer dia sabem mais que o Mestre.

Dia 21 de Março, os de Terena/Hortinhas têm de vir ganhar ao Alandroal por mais de 2, para passarem a eliminatória. Mas parece-me que a "vitorinha" vai ser outra vez nossa.O valoroso plantel do JSA: G. redes Rui, P.T., Paulo, Rosinha, Teixeira, Parreiras, Pua, Faneca.
Em baixo: Mauricio, Gijo, Cavacas, Toninho, Valente, Zé Daniel, Loca e Zé Ribeiro.

Como podem ver, o plantel está a crescer, para alguns já nem há camisolas que cheguem. No caso vestem-se de branco e cedem o equipamento a outros melhores que eles :)

(Cliquem na seta para ver o vídeo e baixem o som)



Se a ASAE tem ali aparecido, tinha logo acabado com a 3ª parte. Mas será que eles não percebem que há pessoal que gosta de "jogar" assim e não é por jogar assim que alguém vai ficar "lesionado"?

Os que perderam dedicaram-se à cozinha, mais aquele que levantou a bandeirola muitas vezes e mal.

PESCA, VÍCIO PARA UM MILHÃO DE PORTUGUESES.


Hoje saiu no Publico um artigo muito completo sobre as potencialidades comerciais da pesca desportiva em Portugal.

Passo a transcrever alguns parágrafos, que me parecem mais adequados à pesca de águas anteriores. Só há ali uma pequena confusão entre a pesca "inglesa e "francesa", é que de facto a pesca "inglesa" é praticada com carreto.

Um em cada dez portugueses tem o vício da pesca. São um milhão os que, todos os anos, compram a respectiva licença para, no mar ou em água doce, faça sol ou caia chuva, darem satisfação a uma actividade que movimenta milhões de euros. O negócio, apesar da crise, floresce, ao ponto de existirem mais de 300 estabelecimentos especializados na venda de material. Há imprensa especializada e até se viaja para outros continentes na esperança de sentir a cana vergar com o peso recorde de um peixe.

«...Os outros 300 mil que têm o vício, esses compram nos serviços do Ministério da Agricultura e Pescas, nas câmaras municipais ou nas juntas de freguesia, as licenças que podem ser nacionais (todo o país), regionais (para Sul ou para Norte do Tejo) ou concelhias (permitem a actividade no concelho escolhido, mas também em todos os outros que com esse façam fronteira). Tratou-se, de resto, de impor para o mar as regras que vigoram há dezenas de anos na água doce. À semelhança do que se passa nos rios e barragens, também no mar se estabeleceram tamanhos a partir dos quais se permite capturar cada espécie. Só o defeso (em vigor de 15 de Março a 31 de Maio para a água doce) separa agora os dois tipos de pesca.

Não se pense, no entanto, que o material utilizado no mar é adequado para os rios e vice-versa. De facto, as maiores semelhanças entre os dois tipos de equipamento cingem-se apenas a alguns preços, porque a especificidade das linhas, a capacidade dos carretos, os tamanhos dos anzóis e bóias, as dosagens do chumbo e a configuração das canas, para já não falar nas técnicas utilizadas, são tão diferentes como diferente é um achigã de um espadarte.

Para quem possa pensar que um milhão de portugueses encartados é um número exagerado, adianta-se aqui que em Inglaterra a pesca de água doce tem mais de cinco milhões de licenças vendidas anualmente e que até existem canais de televisão cujas transmissões são apenas relativas à pesca e ao que lhe está associado: turismo, indústria, postos de trabalho.
...

As delícias da água doce

É impensável utilizar na pesca de água doce linhas com a mesma expessura das que se utilizam no mar. O peixe do mar é, em princípio, mais forte e não sai da água às boas, que é como quem diz com fios finos, quase invisíveis, como os utilizados nos rios e barragens. Um 0,40 mm é fraco para o mar mas, para a água doce é quase como se fosse uma amarra para prender uma embarcação. É de tal modo grosso que as principais espécies, como a carpa, o barbo ou achigã, nem se lhe aproximam.

No rio é frequente pescar-se com expessuras de 0,10 e outras ainda mais delgadas. Por vezes utilizam-se empates (o pedaço de fio que segura o anzol e que está atado ao fio principal) ainda mais frágeis. E no entanto, estas armações possibilitam, por vezes a captura de exemplares com muitos e muitos quilos. As carpas, uma espécie de vacas marítimas que com o avanço da idade procuram cada vez mais os fundos escuros e lodosos, podem ultrapassar os 20 quilos. É por isso que se diz, quando que a pesca de água doce, por permitir grandes capturas com material mais frágil, é mais técnica do que a praticada no mar, onde as linhas grossas permitem a pesca vulgarmente designada por “arranca queixos”.

A pesca das carpas grandes, das que habitam as águas mais frias e escuras, é um desafio cada vez mais aceite em Portugal e no estrangeiro (este peixe carregado de espinhas e de baixo valor nutritivo integra o principal prato da República Checa). A sua pesca pode ser feita nas variantes “inglesa”, “francesa” e “bolonhesa”, todas com bóia, ou ao fundo.

O primeiro estilo implica a utilização de uma bóia grande que pode correr no fio, permitindo que o anzol desça até ao fundo do leito, ou que pode estar fixa. Na "francesa", na ponteira da cana é preso um elástico, cuja segunda extremidade ata ao fio. Este elástico quebra a resistência do peixe e faz com que este, por muito pesado que seja, perca as forças para lutar contra as linhas finas. Na “inglesa” não são utilizados carretos.

A pesca “bolonhesa” já quase não se pratica. É um tipo de pesca à bóia e com uma cana com passadores, que pode levar ou não um carreto. A “francesa” é, tal como a “inglesa”, feita com uma cana directa (sem carreto, devendo a medida da linha ser, em média, o dobro do comprimento da cana).

As canas utilizadas são muitas vezes feitas de carbono. São resistentes e podem pesar apenas um quilo, apesar de as haver com 12 e 14 metros de comprimento. A sua utilização não é aconselhável quando há trovoadas ou próximo de fios eléctricos. Muito deste material pode atingir mais de 3000 euros, havendo carretos que ascendem às centenas de euros.

Mais pequenas e com muitos passadores, as canas para a pesca do achigã (peixe oriundo da América do Norte e cujo nome – atchi gã – vem de um dialecto índio e significa “aquele que salta”, foi introduzido em Portugal pelo Estado Novo, para controlar as carpas que nadavam e se reproduziam desordenadamente nas barragens construídas na década de 1950) tem preços que raramente ultrapassam os 200 euros, o dobro do custo de um bom carreto.

Os portugueses pescam ainda, embora em menor quantidade, espécies como a truta e o salmão, utilizando medalhas, moscas e culheres que curricam na água. A truta ainda nada em alguns rios do Norte mas, por existir em pequenas quantidades, estes não são santuários para os pescadores como, por exemplo, as margens do Guadiana ou do Mondego, ricos em barbos e carpas, ou a Barragem do Alqueva, autêntico viveiro europeu de achigãs. Zonas como o Sorraia, em Coruche, ou a Ribeira da Raia, com pesqueiros em Mora e Cabeção, são frequentemente procuradas para a realização de campeonatos europeus e mundiais.

Quanto aos iscos utilizados na água doce, o mínimo que se pode dizer é que a ementa é... variada e exótica. Senão atente-se: A principal iguaria de carpas, barbos e bordalos é o asticot, que é nem mais nem menos do que a larva da mosca varejeira. Estes bichos brancos (também há que os tinja, mediante alimentação, de amarelo, verde, vermelho e azul) vendem-se ao litro e aguentam-se vivos desde que estejam no frio, num frigorífico. Mas se lhes colocarem no anzol petiscos como batata (cozida ou frita), esparguete (cozinhado), frutas, cenoura, pão, trigo (cozido) cânhamo, ervilha ou até borras de café, é quase garantido que eles engolem.


Muitos pescadores, para apanharem achigã, que também come asticot, utilizam no anzol as vísceras de outros peixes e de aves (tripas de galinha), mas também gafanhotos, libelinhas e, sobretudo, verdemã, que não é mais do que um pequeno peixe cuja captura é proibida mas que se vende em quase todos os estabelecimentos, sejam eles apenas de pesca ou, como acontece pelo interior do país, negócios de aldeia, onde se transaccionam, lado a lado, carretos e sapatilhas, pratos de pirex e canas de carbono, asticot e legumes. É assim a pesca em Portugal.

Talvez seja chegada a hora do Concelho do Alandroal, olhar para a pesca desportiva como um factor de elevado interesse económico e apostar fortemente na criação de Pistas de Pesca. Com o Alqueva e a Barragem do lucifecit, já temos as condições principais, o peixe. Só faltam as acessibilidades até aos pesqueiros.

Para ler o artigo na sua totalidade clique em Publico.pt

AS TERTÚLIAS DE SEXTAS À NOITE

Todas as sextas-feiras à noite (Excepções incluídas), Eu e um grupo de amigos reunimos num determinado local para debater os mais variados temas da sociedade de uma forma leviana. Com a autorização dos Tertulianos, vou passar a informar os leitores das “alarvidades” conseguidas nessas noites.

Ontem estiveram presentes, o Bichano, Ku-adrado, Águia e Eu. Faltaram Aphia e Reileão. O Aphia apresentou justificação da falta via e-mail, ao que parece perdeu o pio, Eu diria antes que “gripou”, é o que dá misturar água com óleo da adega . O Reileão, levou um cartão amarelo, desmarcou em cima da hora.

Voltaram a estar presentes os quatro observadores da semana passada, são eles: Verguinha, Tá-ta-rá-tá, Poeta e Kácos.

Ordem de trabalhos:

1. Jaquinzinhos fritos com Migas de Tomate, acompanhados por uma salada de alface com tomate.( Este ponto é variável semanalmente ).

Boas as Migas, os Jaquinzinhos é que não eram muito amigos dos hipertensos.

2. Discussões infundadas, sobre matérias que não percebemos. ( Este ponto é invariável).

Assuntos poucos, mas sérios e preocupantes. Dividas das Câmaras e Taxistas à beira de um ataque de nervos.

Segundo informações da Tá-ta-rá-tá, em Évora há pequenos empresários a ir à falência porque a Câmara local « leva anos a pagar aos pequenos fornecedores ».

Pois minha amiga, infelizmente esse mal é geral, acontece em Évora, Alandroal, Vila Viçosa, Estremoz... e o problema é que não são só as Câmaras, é a ARS que não paga atempadamente aos Bombeiros e Taxistas, o ministério da Saúde não paga aos farmacêuticos, etc., etc.

Foram as próprias instituições do Estado, com a sua política continuada de “calotice”, que transformou muitos empresários e cidadãos cumpridores em novos caloteiros.

E agora está tudo transformado num ciclo vicioso, difícil de contrariar. Mesmo que comece a haver dinheiro, as pessoas estão habituadas de tal forma a ficar a dever que já não têm vergonha de não cumprir os seus compromissos. Alguns até já têm “Curso de Caloteiro”, adquirido por vivências passadas.

Quanto aos Taxistas, soube esta semana que a ARS de Évora, decidiu retirar-lhes todos os serviços de transporte de doentes que carecem de credencial.

Na tertúlia, as opiniões foram diversas, uns advogavam que esses serviços deviam ser entregues aos bombeiros, porque precisam de ser financiados de alguma maneira e os seus condutores e viaturas estão mais preparadas para esse tipo de serviços ou que os taxistas andaram a abusar uma data de anos, porque negavam serviços a particulares e dedicavam-se quase a 100% ao transporte de doentes.

Os táxis de facto, foram inventados para estarem na Praça e servirem como carros de aluguer, destinados ao transporte de passageiros e não de doentes.

Mas a prática até aqui tem sido outra, num passado ainda recente, talvez porque os bombeiros não tinham viaturas suficientes, foi dado aos taxistas a possibilidade de fazer o transporte de doentes para consultas e alguns tratamentos.

Numa região pouco povoada como a nossa e com a banalização do transporte próprio, a procura de táxis foi diminuindo drasticamente, pelo que os taxista viram naqueles serviços uma maneira de rentabilizar o seu negócio.

Agora em tempo de crise e quando o sustento da família vem dos serviços que o táxi possa fazer, retirarem-lhe os serviços da ARS Évora, pode ser o desaparecimento de muitos táxis e a dificuldade de sobrevivência dessas famílias.

Pelo que na minha opinião seria de bom senso, fazer essa alteração gradual, isto é continuarem a fazer alguns serviços de consultas para a ARS, em que os utentes não necessitem da assistência de um socorrista. Deixar que os taxistas se vão adaptando a outro tipo de serviços, que eles próprios possam descobrir.

Uma sugestão, porque não fazer contratos mensais com as câmaras para transporte de crianças para as escolas. Nalguns casos poderia até ficar mais barato para as câmaras e aos taxistas dava-lhes tempo de se adaptarem à nova realidade. Pensem nisso.

Não sei se já se deram conta, mas esta semana ainda não vos falei da “alarvidade”. É difícil, quando faltam os dois maiores “alarves”, Aphia e Reileão.

Restou-me o maior aprendiz de alarvidades, o Bichano, que se descartou com esta.

« ENGANEI UM MARROQUINO, comprei-lhe um kispo por 10€, e é muito melhor que aquele COLETE SEM MANGAS do Águia!».

Enganar marroquinos e coletes com mangas!?

Até para a semana.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

AGENDA DE FIM DE SEMANA


ACTIVIDADES

BARES

- AldraBar, Festa com DJ Moreno. Sexta à noite.

- Encharca, Festa do Chapéu. Sexta à noite.

CINEMA NO FÓRUM

- BEM-VINDO AO NORTE . Sexta-feira ás 21,30h. M/16.

EXPOSIÇÕES

- Exposição de Desenho de António Almas. 13 a 28 Fev. no Fórum Cultural Transfronteiriço.

CONCERTOS

- Janita Salomé, " Vinho dos Amantes". Sábado ás 21,30h. no Auditório do Fórum de Alandroal

LASER

- III Passeio TT Santiago Maior, Motos e Quads. Concentração Domingo ás 8h. no Parque de Feiras de Santiago Maior.

- FUTEBOL DE VETERANOS, Terena/Hortinhas - Veteranos do JS Alandroalense. Sábado ás 15h.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

POSTAGEM DESPORTIVA


OS ACONTECIMENTOS DESPORTIVOS DO FIM DE SEMANA

- FUTEBOL

COMPETIÇÕES DA A. F. ÉVORA

DIVISÃO DE HONRA ( Domingo ás 15h. )

Arraiolense - U. Montemor
Monte Trigo - O Calipolense
Sp. Viana - Redondense
Bencatelense - Oriolenses
Arcoense - Borbense
Alandroalense - Portel
Escouralense - Estrela FC V. Novas

Classificação: 1ºEstrela 44, 2ºU.Montemor 43, 3ºEscoural 31, 4ºM.Trigo 29, 5ºAlandroal 25, 6ºOriola 20, 7ºBencatel 19, 8ºBorbense 17, 9ºPortel 17, 10ºArcoense 16, 11ºCalipolense 14, 12ºRedondense 13, 13ºViana 11 (-1j), 14ºArraiolense 8(-1j)

1ªDISTRITAL

SERIE A ( Sábado 15h. )
Outeiro - Santana do Campo
Bairro Santo Antonio - Valenças
Desp. Cabrela - Giesteira
Alcaçovense - GDR Canaviais
Brotense - Fazendas do Cortiço

Classificação: 1ºGiesteira 38, 2ºValenças 29, 3ºCanaviais 25, 4ºMorense 25, 5ºS.António 24, 6ºSantana 22, 7ºAlcaçovense 19, 8ºCortiço 13, 9ºCabrela 12, 10ºBrotense 11, 11ºOuteiro 2

SERIE B ( Domingo ás 15h. )
Aldeense - São Romão
Corval - São Manços
Perolivense - Vera Cruz
Rio Moinhos - Estremoz
Santiago Maior - Amieira
Azarujense - Rosário

Classificação: 1ºPerolivas 36, 2ºS.Maior 33, 3ºCorval 30, 4ºEstremoz 29, 5ºS.Romão 28, 6ºR.Moinhos 25, 7ºS.Manços 20, 8ºAldeense 19, 9ºV.Cruz 18, 10ºRosário 17, 11ºAzaruja 11, 12ºAmieira 3

NOTA: Esta semana não haverá jogos dos escalões jovens.
____________________________//___________________________

RUGBY

Campeonato Nacional da 2ª Divisão ( Fase Final ).

Bela R.C. - C.R. Juromenha/C.R. Elvas. ( Domingo ás 15h. no Cacém ).

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

ALANDROAL NA INTERNET

Dizem que a Internet pode trazer novas oportunidades, não sei se é bem assim, mas para uma coisa está a servir:

DIVULGAR O ALANDROAL.

Certo é que antes deste boom de blogues e sites, no Concelho do Alandroal não havia nenhuma publicação escrita, falada ou em imagem. Havia algumas publicações periódicas, mas não com a actualização diária como alguns blogues o fazem.

Hoje deixo-vos aqui mais três links dedicados ao Concelho do Alandroal:

http://alandroal.home.sapo.pt/

http://peloalandroal.blogspot.com/

http://alandroaljovem.com.sapo.pt/

Estive a visitar estes blogues muito recentemente e quer-me parecer que são os três muito diferentes, isso é bom. Porque trazem ao conhecimento outros temas para discussão.

Desejo que tenham muita sorte na sua aventura, mas também que tenham muito cuidado na maneira como os administram, para não correrem o risco de estarem a denegrir a imagem do nosso Concelho e suas gentes, mormente nos comentários de leitores que se aproveitam destes meios para andarem a "achincalhar" terceiros.

Que apareçam mais.

PROJECTO TRANSFRONTEIRIÇO PARA O ALQUEVA

Municípios portugueses e espanhóis abrangidos por Alqueva vão ser equipados com barcos para emergências e acções de prevenção na albufeira, ao abrigo de um projecto de cooperação transfronteiriça que atinge os seis milhões de euros.

O projecto transfronteiriço, já aprovado pelo Programa INTERREG de Cooperação Transfronteiriça Espanha-Portugal, é liderado pela Associação Transfronteiriça dos Municípios das Terras do Grande Lago Alqueva.

A iniciativa, denominada Projecto Estruturante para o Desenvolvimento das Terras do Grande Lago Alqueva (PEGLA), tem aplicação prevista para 2009-2010 e envolve municípios e outras entidades públicas e privadas do Alentejo e da Extremadura espanhola.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Associação Transfronteiriça dos Municípios das Terras do Grande Lago Alqueva, Norberto Patinho, destacou hoje a importância do PEGLA para "consolidar a zona de Alqueva como importante destino turístico".

"Através deste projecto, teremos alguns meios para divulgar a zona de Alqueva e criar alguns produtos turísticos", congratulou-se Norberto Patinho, que preside também à Câmara Municipal de Portel .

O projecto é composto por actividades repartidas por quatro eixos: Fomento da Competitividade e Promoção do Emprego, Ambiente, Património e Prevenção de Riscos, Ordenamento do Território e Acessibilidades e Integração Socio-económica e Institucional.

A valorização e comercialização dos produtos típicos de qualidade é uma das áreas a que será dada especial atenção, tal como a promoção externa da região como destino turístico e a criação de infra-estruturas de lazer.

LIGA FANTÁSTICA AL-SPORT - 17ª JORNADA

A XIV Liga Fantástica Al-sport assistiu neste fim de semana à sua 14ª jornada e 17ª da Superliga. Hoje o Alandroalandia publica a lista das classificações:
Nesta jornada tivemos uma estreia absoluta no vencedor semanal.

Isto porque venceu um "rookie" e pela primeira vez. Assim temos:

1º Hugo Oliveira com 43pts. Entrar para a liga e ganhar uma jornada no ano da estreia não é para todos. Este treinador bem "espremidinho" e depois de assimilar o "Sistema" da Liga, bem que pode vir a fazer mossa.

2º António Balsante com 40pts. Este é a excepção à norma, de que o casamento desleixa os treinadores. É o único que após o casamento melhorou significativamente a sua performance. Será que há aqui um "mãozinha" feminina? A ser assim, vai contra os Estatutos da Liga.

3º João Balsante com 40pts. Já era de esperar, foi ao mercado de Inverno e comprou mais uma data de jogadores novos. Será que aguenta melhor a 2ª volta que a 1ª? Está na cabeça dele gerir o plantel da melhor forma, mas ele até aqui tem "jogado" mais com o coração! ( De Lampião ).

O acumulado continua ao rubro, há vários treinadores a disputar os lugares cimeiros ao sprint, mas todos atrás de mim, claro!

1º Rosinha 515
2º M. Carlos 511
3º Jeremias 508
4º M. João 505
5º N. Coelho 504
6º P.T. 503
...

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

ALANDROAL, QUARTEL DOS BOMBEIROS ALVO DE MELHORIAS


O edifício dos Bombeiros Voluntários de Alandroal vai ser alvo de melhorias, num investimento da autarquia que ascende a 150 mil euros. O presidente da Câmara Municipal de Alandroal, João Nabais à Rádio ELVAS referiu que as obras vão "incidir sobretudo no exterior do edifício”.

C.R.JUROMENHA - VENCE TORNEIO DE FUTSAL

A equipa de Futsal do C.R.J. venceu o 1ª. Torneio "Cruzeiro do Sul", disputado no Pavilhão Gimnodesportivo de Sto. André , no passado dia 8 de Fevereiro.

Resultados:
Meias Finais
Cruzeiro do Sul 4-2 BPI
C. R. Juromenha 6-4 Tia Rosa

3º e 4ª lugares
Tia Rosa 1-1 BPI (vitória do BPI nas grandes penalidades)

FINAL
C. R. de Juromenha 7-2 Cruzeiro do Sul

Classificação:
1º C. R. de Juromenha
2º Cruzeiro do Sul
3º BPI
4º Tia Rosa

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

DIVULGAÇÃO - EXPOSIÇÃO DE DESENHO

clique em cima para ampliar a imagem.
AO FUNDO OUTRAS ACTIVIDADES EM DIVULGAÇÃO.

DIVULGAÇÃO - III PASSEIO TT SANTIAGO MAIOR


clique em cima para ampliar a imagem.
AO FUNDO OUTRAS ACTIVIDADES EM DIVULGAÇÃO.
Loading...