sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Erros do passado penalizam Alandroalenses

Câmara de Alandroal Sofre Redução Superior a 58 mil Euros Mensais Das Transferências do Estado

A Câmara Municipal de Alandroal vai passar a receber menos 58.675,00€ mensais das transferências do Estado, devido ao facto de não ter cumprido o estipulado nos Orçamentos de Estado de 2012 e 2013, que obrigavam os Municípios a reduzir, no primeiro semestre de cada um desses anos, 5% das dívidas a 90 dias.

Os Municípios que falharam no cumprimento destes pressupostos estão sujeitos a “redução das transferências do Orçamento de Estado, no montante equivalente a 20% do valor da redução respectiva em falta”, dizem os mesmos Orçamentos de Estado de 2012 e 2013. 

Este é o caso do Município de Alandroal, que agora vai sofrer uma redução anual de 586.759,70€, referentes aos Orçamentos de Estado de 2012 e 2013, verba essa que será deduzida às transferências mensais para o Município durante o ano de 2014, em prestações de 10% (58.675,00€). 

Na prática, além das retenções a que já está sujeita, a Câmara Municipal de Alandroal passará agora a receber menos 58.675,00€ mensais, até perfazer a verba de 586.759,70€. 

3 comentários:

Anônimo disse...

Agradeçam ao MUDA que além de não ter feito nada, nada deixou para se poder fazer algo.

Anônimo disse...

Agradeçam ao Nabais que endividou a câmara para 20 anos e o MUDA andou a pagar a dsívidas dele.

Anônimo disse...

Mas continuamos nisto??Agradeçam ao MUDA, agradeçam ao NABAIS, agradeçam a CDU... claro foram os que lá estiveram! Claro todos cometeram erros e não adianta tentarem camuflar com " o outro" foram todos e sempre em "crescendo"! Agora neste momento é importante RESOLVER! E a verdade é que se até aqui sempre conseguiram ir "fingindo que não viam, assobiando para o lado" tornando a fazer os mesmos ou outros desmandos, neste momento (e ainda bem, Aleluia) está posta de parte essa possibilidade, pois é logo "à cabeça" que ficam sem o dinheiro e aí... tem mesmo que se reduzir todas as loucuras! O pior mesmo é que se nos descuidamos nem para o mais essencial vai chegar e aí sim... vamos ver como vai ser e quem dos grandes "gestores" vai resolver a situação!!

Loading...