terça-feira, 29 de março de 2011

POETA MATIAS JOSÉ VERSA PARA A EUROPA

Carlos Alberto Biga Camões Galhardas, Alandroalense, poeta, amigo e colaborador de longa data do Alandroalandia, foi agora também convidado a participar na publicação literária “EL HORIZONTE LITERÁRIO CONTEMPORÂNEO”, que publica em inglês, romeno, espanhol e brevemente em Português.

Capa do Horizonte Literário Contemporâneo.

O Carlos A. B. C. Galhardas ( Cabé ), começou a sua colaboração no Alandroalandia com pseudónimo de " Matias José ", na rubrica, "Viagem no Tempo e na Memória" . Ai foram postadas as 30 poesias que foram ao concurso de poesia do actor Mário Viegas 2007/08, no Fórum Cultural de Santarém. Essas poesias foram aqui acompanhadas por outras 30 ilustrações do malogrado João Paulo Galhardas, irmão do Cabé e amigo de infância do editor do Alandroalandia. O Cabé participou aqui também com o pseudónimo de "Poeta", na "Tertúlia de Sexta à Noite".

Foi com grande regozijo que recebi a sua comunicação, dando conta desta sua nova participação que levará os poemas do Alandroal até outros países e noutras línguas.

Em baixo deixo-vos a poesia com a qual abriu as portas da sua participação no "Horizonte Literário Contemporâneo"

«ÚLTIMA POESIA?...»

Se eu não escrever mais nenhuma poesia
Fica aqui uma última e derradeira homenagem,
A todos os poetas do mundo na sua viagem...
Pelas palavras autênticas que cada um escrevia!

Depois sigo o meu caminho na noite estrelada
Com a esperança, enfim... de ter alguma calma,
Já não estarei quando chegar a madrugada...
Para onde será que vai descansar a alma?

Talvez encontre o caminho dos poetas mortos
Ou outro qualquer lugar onde me abrigar;
Eu que no mar atraquei em tantos portos,
Porque não hei-de mais uma vez navegar?

Última poesia?... será mesmo que vou escrever
Neste poema toda a magia das frases escritas?
Num golpe de génio deixar a escrita acontecer…
Escrevendo assim quanto penses e sintas!
Matias José

PARABÉNS
ao Cabé e que as suas obras sejam do agrado dos europeus.

7 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns a este nosso poeta, espero que esta seja a primeira de muitas publicações.

Anônimo disse...

Sabia desde a primeira hora em que li o que escrevia, já faz alguns anos, da sua veia d'alma poética. Não me surpreende pois ter sido contactado para publicar a sua poesia em revista estrangeira, surpresa seria alguém neste país, que constantemente desvaloriza o que é nosso, o tivesse feito. "Última poesia?..."... quem te conhece e é teu amigo sabe que não. Parabéns a este bom filho da terra!

Anônimo disse...

Cada vez sinto MAIS ORGULHO EM SER ALANDROALENSE!!!

ERA INEVITÁVEL!!!

Concordo inteiramente com o Comentador do dia 29/3, das 19:11!

OS ALANDROALENSES ESTÃO SE PARABÉNS!

MAIS UMA VEZ FELICITO O NOSSO POETA!

VIVA A POESIA!!!

VIVAM OS POETAS!!!

VIVA O NOSSO LINDO ALANDROAL!!!


Uma Alandroalense comovida.

Anônimo disse...

Faço minhas as palavras dos três comentadores sobre o poeta, a poesia e o nosso querido Alandroal. Muito bonito o que acabou de acontecer levando a nossa terra a outras terras distantes nas palavras do poeta.
Sinceramente, muitos parabéns!

Anônimo disse...

O poema "Última poesia" foi escrito com alma de poeta e não está ao alcance de qualquer um. É um poema muito lindo, homenageando todos os poetas como depreendo.
(Muitos parabéns e felicidades)

Anônimo disse...

Mil****e*estrelas para o POETA!

Maria

Anônimo disse...

Também eu como amigo do Cabé e Alandroalense me regozijo com esta importante notícia de ver reconhecida a sua poesia, e logo para começar numa revista estrangeira. Parabéns ao poeta e aos seus poemas, e de uma forma mais abrangente à poesia!

Colega

Loading...