sexta-feira, 25 de novembro de 2011

JOÃO GRILO na "Grande Entrevista" DA RÁDIO CAMPANÁRIO.

Dois anos corridos da gestão de João Grilo nos destinos da Câmara Municipal de Alandroal, a Campanário TV protagonizou uma grande entrevista com o autarca, eleito nas ultimas eleições autárquicas pelo MUDA.

O Presidente do Município de Alandroal faz o balanço da governação, aborda as obras municipais, analisa o endividamento e o desemprego no concelho e comenta a sua relação com o Partido Socialista.

A entrevista foi realizada no Salão Nobre dos Paços do Concelho, e passou na Rádio Campanário esta quarta-feira.

Pode ver e ouvir toda a entrevista dada à Rádio campanário no vídeo abaixo.

Grande Entrevista com João Grilo por Radio_Campanario

23 comentários:

Anônimo disse...

Simplesmente fantástico, por muito que tentem desestabilizar o homem é mesmo bom!!!!!!!!!

Anônimo disse...

É mesmo bom diz voçê porque não deve conhecer a realidade do concelho.
Neste momento está completamente parado como nunca esteve!

Anônimo disse...

Não inventem, todos conhecemos bem a realidade do concelho, e se está parado como nunca esteve, como você diz, todos sabemos qual o motivo dessa paragem, é que sem ovos é impossível fazer omeletes, e todos sabemos ainda melhor quem matou as galinhas que punham esses ovos!!!

Anônimo disse...

viva a dinastia

Anônimo disse...

Afinal em que ficamos? Se houve um saneamento financeiro isto não ficou assim tão mal.
E a divida? Também não sabemos ao certo. Numa parte diz-se uma coisa. A seguir diz-se outra.
O que persiste é o ódio e o ataque. Não sabia nada. Coitadinho... Só depois é que soube. FOI O ÚLTIMO A SABER.

Anônimo disse...

MENTIROSO

Anônimo disse...

cá voltamos nós ao antes.faltam dois anos para as eleições municipais. até aqui, a meu ver, as coisas não têm estado a correr. sente-se que a mudança não chegou. quem vive, quem trabalha no concelho não verifica a mudança. fizeram-se coisas mas as mesmas de forma diferente. umas para melhor mas a maioria nem por isso. a utilização dos adjetivos para definir e publicitar qualquer tipo de atividade foi desporporcial ao êxito ou ao resultado da mesma. não houve modéstia na "mudança".
efetivamente o sr presidente fala bem, analisa bem, está consciente das barreiras e dos potencialidades mas falta-lhe explicar a operacionalização das coisas e terá, modestamente, de afirmar a sua Mudança, no tempo que resta.

Anônimo disse...

Resumo:

Nunca mais os municipes do ALandroal devem votar na passado:
Executivo de:

- João Nabais
- João Grilo
- E anexos!!!

Logo estes nunca mais devem ser candidatos, quer juntos ou como adversários!!!!

Disse: "João Grilo"

Anônimo disse...

Grande verdade, dita por este Sr.

"O concelho de Alandroal tem sido sempre muito sacrificado, nos momentos de mudança..."

Como a boca foge sempre para a verdade!!! Pois a mudança que este homem elenca tem sido uma completa desgraça!!! É apenas uma questão de observação sobre o nosso concelho!!!

Demita-se senhor.... E aprenda a falar de frente para o microfone, pois assim transmite mt insegurança no que profaseia!!!

Lobo do Lucefecit

Anônimo disse...

Nabais nunca mais!

Anônimo disse...

“Simplesmente fantástico, por muito que tentem desestabilizar o homem é mesmo bom!!!!!!!!!”

Principalmente na rádio Campanário, aí o homem dá largas á imaginação e até se engana como nos espectáculos do Fórum que custavam em média 1.000.00 € por fim de semana e o tal homem fantástico disse que eram 10.000.00 €, o engano foi pequeno, afinal o homem é fantástico, até nos enganos, mas a tal alcunha que todos sabemos veio para ficar, afinal cada um colhe o que semeia.
O problema deste País e do Alandroal é estar cheio de homens fantásticos mas pantomineiros.

Anônimo disse...

...como um tal de Nabais que andou a gastar à nossa conta....

Anônimo disse...

Mas fantástico é este não é o outro, só que a alcuha que tem faz jus á personagem.
E olhe que este fantástico tambem andou a banhos e a charutos á nossa conta e acompanhado, pagamos a dobrar.
FANTÁSTICO...

Anônimo disse...

PRECISAMOS DE TER NA ASSEMBLEIA MUNICIPAL, NA CÂMARA E NAS JUNTAS DE FREGUESIA HOMENS E MULHERES QUE NÃO ESTEJAM "COMPROMETIDOS" COM EQUIPAS!!!POLÍTICAS COMO AS QUE, NOS ÚLTIMOS 10 ANOS, TEM CONSPURCADO E CORROMPIDO O PODER CENTRAL E LOCAL.
É vergonhosa para todos nós, os naturais do concelho e do País, a forma despudorada como estes "AGENTES" se tem MOVIMENTADO SOB O VOTO DE GENTE HONESTA.

Chega de corrupção, compadrio, má-lingua, perseguições a trabalhadores, negociatas, almoçaradas e jantaradas, oportunismos de DERRAME DE MILHÕES, Carros de Luxo, Cartões de crédito e de débito, espectáculos de dezenas de milhares de euros, dívidas sobre dívidas em restaurantes por tudo quanto é sítio, dívidas nas mais variadas casas de comércio por tudo quanto é sítio. ESTE CONCELHO FOI TRANSFORMADO, em 10 anos, NUM PANTANAL...CHEGA porque neste concelho em destruição, já há gente que chora de fome e não tem dinheiro.

VAMOS DIZER NÃO A TUDO ISTO.

O POVO VAI DECIDIR.


Chega, chega, chega vão-se embora PARA MUITO LONGE.

Anônimo disse...

Foram oito não foram dez, mas se te dá jeito os dez....

Anônimo disse...

lamentam-se mas puseram-nos la quer uns quer outros,sigam assim.

Anônimo disse...

Caros amigos o passado é passado o problema é a tal desastrosa MUDANÇA que é presente e pelos vistos futuro, e que é uma verdaira miséria, um desastre.

Anônimo disse...

O passado é passado, os milhões que se lixem, vamos continuar com o regabofe dos milhões e não pagar nada, é pá, isto agora é uma miséria, um autêntico desastre, no tempo da vara larga é que era bom, quem vier atrás feche a porta que a gente já está servida....

Anônimo disse...

Cá está mais uma vez o homem do regabofe, é só bofe ou basófia.
O Sr, deve gostar mesmo é de insectos, deixe lá o bofe e coma bifes.
É só paus mandados tal como no tempo do Salazar.

Anônimo disse...

Comentário típico de quem andou no regabofe, não ficou saciado com o que comeu e queria mais. Aprendeste as boas maneiras dos paus mandados, mas não foi no tempo do Salazar, foi já no reinado do regabofe dos milhões.

Anônimo disse...

o mesmo de sempre. talvez seja a altura certa para deixar de ser assim um vrs outro e começar a pensar como sair deste marasmo.não posso deixar de concordar com alguém que aqui diz que o problema é que a mudança não mudou. não posso deixar de concordar também com alguém que diz que do antes vinha muita coisa mal. não posso deixar de concordar com alguem que diz que os dois ( o antigo e o atual) estiveram algum tempo unidos (3 anos) e que só quando deixaram de estar as coisas apareceram. também não deixo de concordar que o poder politico não pode continuar a perpetuar essa forma enganosa e vergonhosa de dar trabalho a uns e "arrumar" os outros. os trabalhadores têm direitos e dignidade. o que se pede é um olhar em frente. ver o agora a pensar no amanha. tempos dificeis estão aí, mais dificeis estao para vir e precisam-se de decisões e organização e politicas. os 10 000 ou os 1 000 do forum são coisas que no momento atual não fazem sentido. são acusações e mais acusações que, segundo parece, servem apenas para fomentar discórdias e estimular ódios. o que faz sentido é o que temos (a realidade toda) e avançar. a discutir nabais e grilo o resto da vida, quando lá chegaremos? NUNCA.

Anônimo disse...

Sair do marasmo é de facto o que devia acontecer, o problema reside na dificuldade em sair, não basta dizer vamos sair, o problema é que para sair a câmara precisava dos milhões que desapareceram e que estão em divida, divida essa contraída pelo anterior executivo, isto todos sabemos, no entanto os que falam em sair do marasmo são os que fizeram parte do regabofe!!

Anônimo disse...

isso de rotular as pessoas também tem muito que se lhe diga. nem todos os que por aqui comentam vivem na "ideia comezinha" de ser de este ou daquele. nem todos os que por aqui comentam receberam favores de um ou de outro. nem todos os que por aqui comentam precisam ou necessitam de um ou de outro. nem todos os que por aqui comentam querem que um ou outro lhes dê oportunidade ou lhes tire oportunidade. acredito que alguns que por aqui comentam só lhes interessa o concelho de alandroal e o seu desenvolvimento e que as suas observações, análises ou críticas sirvam de relexão a quem as lê. incluo-me nesse lote de pessoas que quer apenas alertar e sobretudo que o alandroal se liberte da ideia do antes e do depois e siga em frente. mas parece que os rótulos se sobrepõem aos verdadeiros interesses das gentes do alandroal. quaisquer tentativas de "tentar despertar" é rotulada de um ou do outro lado. existe por aqui alguém interessado em que se continue a comentar o antigamente talvez para "distrair" os menos atentos

Loading...